quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Aluno do Cursos Gescon aprovado em 3º lugar para Auxiliar Administrativo do IFPI!


Gescon - Grupo de Estudos para Concursos parabeniza o estudante Wesley Hélio Nunes Sales pela aprovação em 3º lugar no concurso do IFPI 2012 para o cargo de Auxiliar em Administração - Campus Teresina! (Confira abaixo a classificação).

Wesley Hélio participa do primeiro módulo do grupo de estudos para concursos na área fiscal e tribunais, com encontros às sextas e sábados.

O esforço da equipe de professores do Cursos Gescon e a dedicação dos nossos estudantes está mostrando resultados! O fruto de um trabalho em equipe está sendo colhido com aprovações entre os primeiros colocados! Parabéns à família GESCON!

     Conheça mais alguns de nossos aprovados em 2012:


  • Edypo Moura - 1º lugar - Técnico em Contabilidade do IFPI 2012;
  • Adriano Garcês - 1º lugar Contador FMS e 2º lugar Contador UESPI;
  • Emerson Davi - 2º lugar - Contador da UFPI;
  • Anderson Resende - 3º lugar Contador da UESPI e TJ-MA;
  • Nayara Suyanne - aprovada para Consultor Legislativo da ALEPI;
  • Adelaine Araújo - aprovada para Analista do Ministério Público do Piauí;
  • Ana Gláucia - aprovada no concurso do Tribunal de Justiça do Maranhão;
  • Jenna Emanoela - aprovada no concurso do Tribunal de Justiça do Maranhão;
  • Renata Oliveira - aprovada para área administrativa do Ministério da Saúde.



terça-feira, 28 de agosto de 2012

HU-UFPI abre inscrições para vários cargos com salários até 7,7 mil.


A Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) realizará processo seletivo simplificado para o preenchimento de 379 vagas temporárias no Hospital Universitário da Universidade Federal do Piauí (HU/UFPI).
Os contratados receberão salários que variam de R$ 1.630,00 a R$ 7.774,00 em jornadas de 24, 30, 36 e 40 horas semanais.
Para concorrer basta se inscrever pelo site www.iades.com.br, entre às 8h do dia 4 de setembro até às 22h do dia 13 de setembro, e pagar a taxa de R$ 40,00 para disputar as funções de nível médio e de R$ 60,00 para os empregos de nível superior.
A seleção dos candidatos será realizada por meio de prova objetiva, com 40 questões equivalentes ao grau de escolaridade, além de avaliação curricular de títulos e experiência profissional, de caráter classificatório.
A previsão é de que a prova objetiva seja aplicada no dia 7 de outubro, em locais e horários a serem definidos e divulgados com antecedência.
Este processo seletivo terá a validade de seis meses, contados a partir da data de homologação do resultado final do certame, podendo ser prorrogado uma única vez e por igual período.
CARGOS
  • Ensino Superior - Advogado, Analista Administrador, Contador, Analista de Tecnologia da Informação, Biólogo, Biomédico, Cirurgião-Dentista, Educador Físico, Enfermeiro, Engenheiro Civil, Engenheiro Clínico, Engenheiro de Segurança do Trabalho, Farmacêutico Bioquímico, Farmacêutico, Físico, Fisioterapeuta, Fonoaudiólogo, Médico nas Áreas de Anestesiologia, Clínica Médica, Gastroenterologia, Ginecologia, Mastologia, Infectologia, Hemoterapia, Nefrologia, Neurologia, Oftalmologia, Patologia Clínica, Radiologia, Urologia, Médico do Trabalho, Psicólogo e Terapeuta Ocupacional;
  • Ensino Médio - Assistente, Técnico de Farmácia, Técnico de Laboratório, Técnico de Enfermagem, Técnico em Histologia, Técnico em Radiologia e Técnico em Segurança do Trabalho.

Fonte: PCI Concursos

Ministério do Planejamento abre 825 vagas para Analista Técnico de Políticas Sociais!


Foi publicado na edição do Diário Oficial da União desta segunda-feira, 27, edital de concurso público para o provimento de vagas no Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG). A informação é de que serão ofertados 825 postos de trabalho e que a responsável técnico-administrativa pelo certame será a Escola de Administração Fazendária (Esaf).
De acordo com o texto do documento, a oportunidade será para o cargo de Analista Técnico de Políticas Sociais nas áreas de Assistência Social, Educação, Gestão Social, Previdência e Saúde para carreira de Desenvolvimento de Políticas Sociais. No total previsto, já estão inclusas 43 vagas para pessoas com deficiência.
O vencimento básico, mais a gratificação de desempenho de atividades em políticas sociais (GDAPS - variável), além da vantagem pecuniária individual (VPI) somam a remuneração total de R$ 5.466,53, a qual todos os contratados terão direito.
Entre as atividades previstas para o cargo estão a execução de atividades de assistência técnica em projetos e programas nas áreas de saúde, previdência, emprego e renda, segurança pública, desenvolvimento urbano, segurança alimentar, assistência social, educação, cultura, cidadania, direitos humanos e proteção à infância, à juventude, ao portador de necessidades especiais, ao idoso e ao indígena; a verificação, acompanhamento e supervisão dos processos inerentes ao Sistema Único de Saúde, ao Sistema Único de Assistência Social e aos demais programas sociais do governo federal objeto de execução descentralizada; além de outras.
Para concorrer o interessado deverá possuir ensino superior completo em qualquer área (vide Anexo I do edital) e efetivar sua inscrição de 3 a 16 de setembro pelo endereço eletrônicowww.esaf.fazenda.gov.br, com pagamento de taxa no valor de R$ 100,00. A isenção desse valor só poderá ser solicitada se o candidato for, cumulativamente, membro de família de baixa renda e estar inscrito no Cadastro Único do município em que reside.
Segundo a organizadora do certame os inscritos serão avaliados por meio de provas objetivas de conhecimentos básicos e específicos na data provável de 18 de novembro; bem como serão submetidos a provas discursiva e de títulos.
Sobre as avaliações
  • Prova Objetiva de Conhecimentos Básicos (eliminatória e classificatória) para todos os cargos - 70 questões de língua portuguesa, inglês, gestão de pessoas, direito público, políticas públicas, economia brasileira contemporânea e realidade brasileira;
  • Prova Objetiva de Conhecimentos Específicos (eliminatória e classificatória) - 60 questões específicas a cada área;
  • Prova Discursiva (eliminatória e classificatória) para todos os concorrentes em data, horário e local a serem informados - desenvolvimento de um tema em, no mínimo, 40 linhas e no máximo 60;
  • Prova de Títulos (classificatória).
Fonte: www.in.gov.br.

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Aluna do Cursos Gescon convocada para Técnico Administrativo da Caixa Econômica Federal!


Gescon - Grupo de Estudos para Concursos parabeniza a estudante Débora Costa pela convocação no concurso da Caixa Econômica Federal para o cargo de Técnico Bancário!

Débora Costa participa do primeiro módulo do grupo de estudos para concursos na área fiscal e tribunais, com encontros às terças e quintas.

O esforço da equipe de professores do Cursos Gescon e a dedicação dos nossos estudantes está mostrando resultados! O fruto de um trabalho em equipe está sendo colhido com aprovações entre os primeiros colocados! Parabéns à família GESCON!

     Conheça mais alguns de nossos aprovados em 2012:


  • Edypo Moura - 1º lugar - Técnico em Contabilidade do IFPI 2012;
  • Adriano Garcês - 1º lugar Contador FMS e 2º lugar Contador UESPI;
  • Emerson Davi - 2º lugar - Contador da UFPI;
  • Anderson Resende - 3º lugar Contador da UESPI e TJ-MA;
  • Nayara Suyanne - aprovada para Consultor Legislativo da ALEPI;
  • Adelaine Araújo - aprovada para Analista do Ministério Público do Piauí;
  • Ana Gláucia - aprovada no concurso do Tribunal de Justiça do Maranhão;
  • Jenna Emanoela - aprovada no concurso do Tribunal de Justiça do Maranhão;
  • Renata Oliveira - aprovada para área administrativa do Ministério da Saúde.

GESCON abre inscrições para turma preparatória - Concurso do Tribunal de Contas do Piauí!



O GESCON - Grupo de Estudos para Concursos está com matrículas abertas para o Curso Preparatório para Concurso do TCE-PI. A turma terá o limite de 20 participantes, com encontros durante a semana à noite e aos finais de semana. (Veja abaixo o cronograma de encontros). 

O curso terá início em 04/09/12 e término em 04/11/2012. 


O valor do investimento = R$ 590,00 (à vista) ou (1+ 1 de R$ 295,00). 

Faça a sua matrícula através do e-mail cursosgescon@gmail.com ou fones (86) 8803-5358 e 9957-9615.


Disciplinas
Horário
Professor
Nº de encontros
Português
Segunda-feira (das 19h às 22h)
Tatiana Dantas
7 encontros            (17-set a 29-out)
Direito Administrativo
Terça-feira
(das 19h às 22h)
João Carvalho (Gerente SEFAZ-PI)
6 encontros            (11-set a 16-out)
Informática
Quarta-feira (das 19h às 22h)
Mauro Sandro (UNITEC - SEFAZ-PI)
6 encontros            (26-set a 31-out)
Contabilidade Pública
Quinta-feira (das 19h às 22h)
Ricjardeson Dias (Analista da SEFAZ-PI)
5 encontros            (27-set a 25-out)
Noções de Controle Externo, Orçamento Público e Finanças.
Sexta-feira
(das 19h às 22h)
Ricjardeson Dias (Analista da SEFAZ-PI)
5 encontros            (14-set a 19-out)
Direito Constitucional
Sábado
(das 9h às 12h)
João Carvalho (Gerente SEFAZ-PI)
8 encontros            (08-set a 27-out)
Contabilidade Geral
Domingos
(das 10:30h às 13:30h)
Ricjardeson Dias (Analista da SEFAZ-PI)
6 encontros
(30-set a 4-nov)


Autorizado concurso para Auditor do Tribunal de Contas do Piauí com salários de até R$ 14 mil


O Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI) aprovou ontem (23/08/2012), durante sessão plenária, a autorização para a realização de concurso público para o provimento de oito vagas no órgão. Entre os cargos disponíveis está o de auditor fiscal, cujo salário varia entre R$ 8 mil e R$ 14 mil, segundo informações divulgadas na folha de pagamento do órgão no mês de agosto.
A criação destas vagas já havia sido previamente aprovada pela Assembleia Legislativa do Estado. O TCE irá realizar agora a licitação para a contratação da instituição responsável pela aplicação e correção das provas.
Ainda não foi definida a data para o lançamento do edital, que deve contemplar as seguintes carreiras: médico do trabalho, dentista, pedagogo, jornalista, técnico de enfermagem e auditor fiscal. Os aprovados no concurso poderão ser chamados dentro de um prazo de dois anos, podendo ser prorrogado por mais dois anos.
Em maio, a Assembleia Legislativa recebeu o Projeto de Lei Ordinária do Tribunal de Contas do Estado do Piauí, enviado pelo presidente Kennedy Barros, estabelecendo o reajuste dos vencimentos dos servidores efetivos e dos cargos em comissão e reestruturando as carreiras de controle externo e de atividade auxiliar, a partir de 1º de agosto deste ano. O projeto foi aprovado no último dia 20 de junho na Alepi.

Fonte: www.meionorte.com

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Aluno do GESCON aprovado em 1º lugar para Técnico em Contabilidade do IFPI!


Gescon - Grupo de Estudos para Concursos parabeniza o estudante Édypo Rocha Moura pela aprovação em 1º lugar no concurso para o cargo de Técnico em Contabilidade do IFPI - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí - Campus Teresina e a estudante Wennia da Silva Costa pela aprovação em 5º lugar no concurso para o cargo de Técnico em Contabilidade do IFPI- Campus Piripiri. (Confira abaixo a classificação).

Édypo Moura participa do primeiro módulo do grupo de estudos para concursos na área fiscal e tribunais, com encontros às sextas e sábados.

Em nosso rol de aprovados, contamos com estudante Emerson Davi, aprovado em  1º lugar para Contador da UFPI e com Adriano Garcês, aprovado em 1º lugar para Contador da Fundação Municipal de Saúde de Teresina e em 2º lugar para Contador da UESPI.  Adriano participa do Grupo de Estudos com encontros às terças e quintas, no turno noite e já foi convocado pela UESPI, mas continuará estudando conosco em busca de mais aprovações.
Comemoramos também a aprovação em 3º lugar do aluno Anderson Resende, para o cargo de Contador da UESPI. Anderson foi convocado, mas já aguarda convocação para o concurso do Tribunal de Justiça do Maranhão.

Conheça mais alguns de nossos aprovados:


  • Nayara Suyanne (aprovada para Consultor Legislativo da ALEPI)
  • Adelaine Araújo (aprovada para Analista do Ministério Público do Piauí)
  • Ana Gláucia (aprovada no concurso do Tribunal de Justiça do Maranhão)
  • Jenna Emanoela  (aprovada no concurso do Tribunal de Justiça do Maranhão)
  • Renata Oliveira (aprovada para área administrativa do Ministério da Saúde)

Confira abaixo o resultado da prova escrita do Concurso IFPI 2012!





domingo, 19 de agosto de 2012

GESCON abre inscrições para Grupo de Estudos - Carreira Fiscal!



O Grupo de Estudos para Concursos (GESCON), está com matrículas abertas para o grupo de estudos - Área Fiscal e Tribunais - Módulo 2. Os encontros ocorrerão às sextas-feiras (noite, das 19h às 22h) e aos sábados (manhã, das 9:00h às 12:00h).

O grupo de estudos vai iniciar dia 29 de setembro de 2012  com as disciplinas Legislação Tributária I, a ser ministrada pelo Prof. Ricjardeson Dias (Analista do Tesouro Estadual da SEFAZ-PI) e Direito Tributário com o Prof. João Carvalho (Gerente Regional da SEFAZ-PI). 

O valor do investimento é R$ 690,00 (à vista) ou (4 x de R$ 190,00). 

As salas do Gescon ficam localizadas no Edifício Luiz Fortes (ao lado do Diretório do Democratas, próximo à Praça do Fripisa), um local de fácil acesso. As turmas são limitadas ao máximo de 20 pessoas.





Os grupos de estudos não adotam apostilas. Os professores definem quais livros serão usados em suas disciplinas, e cada membro usa seu próprio livro (ou cópia do livro), de forma que o participante possa aprofundar mais seus conhecimentos.


Como as aulas ocorrem apenas duas vezes por semana, temos um período maior para estudos, em torno de 4 (quatro) meses para cada módulo, e assim, estamos em contato durante mais tempo.

O curso está organizado em 6 disciplinas:

1. Legislação Tributária 1
2. Direito Tributário
3. Legislação Tributária 2
4. Auditoria
5. Direito Empresarial
6. Noções de Contabilidade Avançada e de Custos.

Portanto, se você tiver interesse em participar deste grupo de estudos, mande um e-mail para: cursosgescon@gmail.com solicitando a sua inscrição como membro.

Contato: 8803-5358 (OI) e 9957-9615 (TIM) - Eronildes 

Aproveite esta oportunidade e torne-se servidor público.

Bons estudos!

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Confiram Edital do concurso da SEFAZ-PI realizado em 2001!

A pedido dos concurseiros na área fiscal, estou postando o edital do último concurso realizado pela SEFAZ-PI (2001) para os cargos de Auditor e Técnico. O concurso foi realizado em 2001 pela ESAF, e ofertou 12 vagas para Auditor, 22 vagas para Técnico de Controle Interno (hoje denominado Analista do Tesouro Estadual) e 283 vagas para cargos de nível médio (hoje denominado Técnico da Fazenda).


Atualmente a intenção da Secretaria da Fazenda do Piauí é preparar um concurso para atender à demanda de trabalho nas áreas de Arrecadação e Controle das Finanças do Estado. 

Serão ofertadas vagas para os dois cargos, ambos com exigência de nível superior. As vagas do cargo de Analista do Tesouro Estadual serão destinadas às Unidades subordinadas diretamente à Superintendência da Despesa (SUDESP), que monitora todos os gastos públicos. Já os aprovados para o cargo de Auditor Fiscal trabalharão nas Unidades ligadas à Superintendência da Receita (SUPREC).

O Governo do Estado terá como foco o aumento da capacidade de gerenciamento dos controles da despesa, bem como crescimento na arrecadação dos tributos estaduais. Para tanto, é necessário aumentar o número de servidores qualificados para executarem essas tarefas.

"Pelo andamento da proposta, creio que o edital sairá em menos de 1 ano. O bom concurseiro deverá iniciar os estudos agora, ou seja, antes da publicação do edital" afirma Ricjardeson Dias, Analista do Tesouro Estadual da SEFAZ-PI e Professor do Cursos Gescon- Grupo de Estudos para Concursos.

O último concurso realizado pela SEFAZ-PI ocorreu em 2007, apenas para o cargo de Analista do Tesouro Estadual. No certame foram cobrados conhecimentos gerais em Língua Portuguesa, Matemática Financeira, Noções de Informática, Direito Administrativo e Direito Constitucional, e conhecimentos específicos nas áreas de Contabilidade Geral, Orçamento Público, Finanças Públicas e Contabilidade Pública.

Antaq: Agência aguarda autorização para preencher 195 vagas

Por intermédio do Ministério dos Transportes, pasta a qual está vinculada, a Agência Nacional de Transporte Aquaviários (Antaq) pediu a realização de um concurso público. O Planejamento já analisa a possibilidade de autorizar o preenchimento de 195 vagas em cargos dos níveis médio e superior. A informação vem da Assessoria de Imprensa da agência. Setenta e oito vagas foram pedidas para o cargo de técnico em regulação de serviços de transportes aquaviários, que exige o ensino médio e proporciona vencimentos iniciais de R$5.288,98. Ainda no mesmo nível de escolaridade, a Antaq quer contratar 22 técnicos administrativos. Os rendimentos são de R$5.064,18.

No nível superior, o objetivo é contratar 76 especialistas de regulação de serviços de transportes aquaviários e 20 analistas administrativos. Os ganhos são de R$10.323,20 e R$9.567,20, respectivamente. No último concurso realizado pela Antaq, em 2009, sob organização do Cespe/UnB, os concorrentes às vagas de nível médio resolveram 120 questões, sendo 50 de Conhecimentos Básicos (Língua Portuguesa e Atualidades) e 70 de Conhecimentos Específicos. Para os analistas e especialistas, o exame teve 30 questões de Conhecimentos Básicos (Língua Portuguesa, Atualidades e Língua Inglesa), 30 de Conhecimentos Complementares (Noções de Direito Administrativo, Direito Constitucional e Direito Tributário) e 60 de Conhecimentos Específicos.

Para os especialistas, o processo seletivo ainda constou de avaliação de títulos e de um curso de formação de 160 horas, compreendendo aulas teóricas e práticas, seminários e apresentação de trabalhos. As 140 vagas oferecidas foram distribuídas por Brasília (64), Belém (3), Manaus (9), Porto Velho (5), Fortaleza (3), Recife (1), Salvador (7), São Luís (6), Corumbá (4), Rio de Janeiro (19), São Paulo (1), Vitória (6), Florianópolis (3), Paranaguá (3) e Porto Alegre (6).
Fonte: Folha Dirigida

SEFAZ-PE: comissão organizadora prepara concurso para 62 vagas!

O Governo do Estado autorizou a Secretaria da Fazenda de Pernambuco (Sefaz - PE) a realizar concurso para 62 oportunidades de nível superior. A previsão é que o processo seletivo seja aberto no primeiro semestre em 2012. Das vagas, 60 são para os cargos de auditor fiscal e 2 para julgador de tributos. Os salários iniciais variam de R$ 6.800 a R$ 9.800, respectivamente.

Podem concorrer às vagas para auditor fiscal candidatos que tenham nível superior em qualquer área. Já para o cargo de julgador de tributos é necessária a formação em Direito. O útlimo concurso para esses cargos abertos pela secretaria ocorreu em 1992.


Segundo levantamento feito em 2009 pela própria secretaria, 34% dos servidores têm de 51 a 70 anos. “Muitos estão com idade limite para a aposentadoria. Temos que fazer esa reposição, além de oxigerar o quadro. A Sefaz precisa dessa renovação para realizar suas atividades”, explicou o secretário da Fazenda, Djalmo Leão.

Os candidatos irão trabalhar na estrutura administrativa da pasta e nos postos fiscais distribuídos pelo Estado. A escala de trabalho para os julgadores de tributos é de 6h diárias. No caso dos auditores, que trabalharão nos postos fiscais, a carga horária é de 24h por 72h.

A base dos vencimentos dos auditores é de R$ 6.800 podendo chegar até R$ 10.300 com o acréscimo das gratificações e participação em multas. O incremento também vale para os julgadores de tributos que têm piso salarial de R$ 9.800, podendo alcançar os R$ 18 mil. De acordo com o secretário, depois de tomar posse o servidor passa três anos em estágio probatório. Passado esse período, pode mudar para a faixa salarial seguinte, após participar de um curso de promoção interno. Ao todo são 16 faixas salariais, que podem chegar até R$ 20 mil.

A Secretaria da Fazenda do Estado de Pernambuco publicou no Diário Oficial do dia 05 de abril de 2012 (página 17) a Portaria SF nº 070, de 04 de março de 2012, que constitui a Comissão Coordenadora do concurso público para provimento de cargos integrantes do Grupo Ocupacional Administração Tributária do Estado de Pernambuco – GOATE.

SEFAZ-SP: Autorizado concurso para 238 vagas de analistas


O governador Geraldo Alckmin autorizou, no último dia 9, a realização de concurso público para o preenchimento de 238 vagas para o cargo de Analista em Planejamento, Orçamento e Finanças Públicas, junto à Secretaria da Fazenda. Para concorrer é necessário possuir curso de nível superior em qualquer área de formação. O salário inicial da categoria é de R$ 5.800.

De acordo com a assessoria de imprensa da Secretaria da Fazenda, como a autorização ainda é muito recente, ainda serão iniciados os trabalhos para elaboração do edital. Somente então será divulgada uma previsão de quando poderá ser publicado.

Entre outras atividades, cabe ao servidor da área desenvolver e acompanhar a programação financeira do estado, direitos e haveres, garantias e obrigações de responsabilidades do tesouro estadual e prestar orientação técnica-normativa referente à execução orçamentária e financeira, bem como supervisionar, coordenar, dirigir e executar trabalhos especializados sobre planejamento estratégico, gestão orçamentária, financeira e patrimonial.

Além da remuneração inicial, o cargo conta com um plano de carreiras, composto de dois níveis e seis graus, garantindo uma escala de salários da seguinte forma: grau I, nível I (R$5.800), grau I, nível II (R$6.119), grau II , nível I (R$6.670), grau II, nível II (R$7.036,85), grau III, nível I (7.670,50), grau III, nível II (8.02,37), grau IV, nível I (8.821,08), grau IV, nível II (9.306,24), grau V, nível I (10.138,13), grau V, nível II (10.702,18), grau VI, nível I (11.665,88) e grau VI, nível II (12.307,49).

ÚLTIMO CONCURSO - Quem pretende concorrer ao cargo, já pode dar início aos estudos, com base no conteúdo programático do concurso anterior, realizado em 2010. Na ocasião foram registrados 9.700 inscritos para a oferta de 360 vagas. A organizadora foi a Fundação Carlos Chagas. A primeira fase do concurso contou com duas provas, aplicadas em dois dias. A primeira contou com 80 questões de Conhecimentos Gerais, com peso um, sendo 25 de Língua Portuguesa, dez de Atualidades, 15 de Matemática Financeira e Estatística Básica, 15 de Direito Constitucional e 15 de Direito Administrativo. A prova de Conhecimentos Específicos também contou com 80 questões, com  peso dois, sendo 15 de Direito Financeiro e Tributário, 15 de Economia e Finanças Públicas, 20 de Contabilidade Geral e Pública, 15 de Planejamento e Orçamento Governamental e 15 de Técnicas de Auditoria.  para a classificação final também foram considerados títulos, com limite de 20 pontos. Os aprovados foram submetidos a um curso de formação profissional.

DESPACHO DO GOVERNADOR, DE 8-8-2012

No processo SF-23657-40569-12 (CC-20.398-12), sobre proposta de abertura de concurso público para o provimento de cargos vagos de Analista em Planejamento, Orçamento e Finanças Públicas: "Diante dos elementos de instrução do processo, destacando-se a manifestação da Área de Política de Despesa de Pessoal - APDP, da Secretaria da Fazenda, e tendo presente o pronunciamento favorável do Comitê de Qualidade da Gestão Pública, autorizo a Pasta requerente a adotar as providências necessárias para a abertura de concurso público, visando ao provimento de 238 cargos vagos de Analista em Planejamento, Orçamento e Finanças Públicas, devendo a Pasta observar, por ocasião do provimento dos cargos, as disponibilidades orçamentário-financeiras, bem como providenciar para que a correspondente despesa seja incluída no orçamento de 2013, obedecidos os demais preceitos legais e regulamentares atinentes à espécie."

Planejamento: Edital com 825 vagas de analista sai em breve


Quem deseja disputar a uma das 825 vagas de analista de políticas sociais do concurso para o Ministério do Planejamento deve ficar atento, pois assessoria do órgão reforçou, na última segunda, 13, que o edital será divulgado nos próximos dias.

Para participar, é necessário possuir formação superior ou título de pós-graduação lato ou stricto sensu, nas modalidades especialização, mestrado ou doutorado, nas habilitações que constarão no edital.

Os novos servidores irão atuar nas áreas de Gestão Social, Previdência, Assistência Social, Educação e Saúde. Todas as vagas serão para Brasília. A remuneração será de R$4.270,53, incluindo o auxílio-alimentação, de R$304. Em menos de um ano no exercício do cargo, este valor pode aumentar para até R$5.770,53 (aumento de 35%).

O ministério explicou que este acréscimo será possível após o primeiro ciclo de avaliação, com o reajuste da gratificação de desempenho. A organizadora da seleção será a Esaf. As oportunidades serão distribuídas pelos ministérios da Saúde (500 vagas), do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (200), da Educação (30), da Previdência Social (20), do Desenvolvimento Agrário (10), do Trabalho (10), das Cidades (10) e da Justiça (5) e pelas secretarias de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (15), de Políticas para as Mulheres (15) e de Direitos Humanos (10).


O preenchimento de parte das oportunidades está condicionado à extinção de 630 postos de trabalho de consultores contratados por meio de organismos internacionais e de todos os postos de trabalho terceirizados irregularmente nos ministérios da Saúde e do Desenvolvimento Social, respectivamente.

AGENCIA NACIONAL DE ÁGUAS: Saiu o edital para técnico administrativo. Vencimentos de R$5.064


Saiu o edital do concurso para técnico administrativo da Agência Nacional de Águas (ANA), autarquia vinculada ao Ministério do Meio Ambiente que tem como objetivo regular os recursos hídricos e promover o uso sustentável da água. O vencimento inicial é de R$5.064,18, incluindo auxílio-alimentação de R$304, e das 45 vagas de nível médio a serem oferecidas, três são para portadores de deficiência. Os aprovados serão alocados em Brasília e contratados pelo regime estatutário, que garante estabilidade empregatícia.
 
De acordo com a Cetro Concursos Públicos, Consultoria e Administração, organizadora, as inscrições serão feitas exclusivamente pelo site a partir das 9h do dia 20 de agosto a 19 de setembro. Após o preenchimento do formulário será gerado um boleto para impressão, com a taxa de inscrição de R$37, podendo ser pago em qualquer agência bancária até a data do vencimento. A partir de 28 de setembro, o candidato poderá conferir a confirmação da inscrição na página da Cetro. Em caso negativo, deverá entrar em contato para verificar o ocorrido pelo telefone (11) 3146-2777, das 8h às 18h, somente em dias úteis.
 
Aqueles que desejarem solicitar isenção de taxa, terão entre os dias 20 e 22 de agosto para fazê-lo pela página da organizadora. Os solicitantes deverão fazer parte do CadÚnico, ser membro de família de baixa renda, além de enviar os documentos previstos no edital. O resultado desses pedidos será divulgado no dia 15 de setembro. Os candidatos, cuja isenção seja deferida, deverão confirmar sua inscrição pelo site entre os dias 16 e 19 de setembro, afim de gerar um comprovante de inscrição. Não haverá recurso contra o indeferimento de pedido de isenção.
 
Na prova objetiva serão cobradas 50 questões de disciplinas como Língua Portuguesa (dez), Raciocínio Lógico (12), Ética (quatro), Noções de Informática (quatro), Legislação Aplicada à ANA (seis), Noções de Direito Constitucional (seis) e Noções de Direito Administrativo (oito). Já a avaliação discursiva trará uma questão com tema relacionado a um dos seguintes conteúdos: Legislação Aplicada à ANA, Noções de Direito Constitucional e Noções de Direito Administrativo. Ambas serão aplicadas em 21 de outubro no Distrito Federal, em locais a serem comunicados por meio de edital de convocação a ser publicado no Diário Oficial e no site da organizadora.
 
Serão considerados habilitados na prova objetiva aqueles que acertarem no mínimo oito questões de Raciocínio Lógico e alcançarem pelo menos 50 pontos de 100 possíveis. Serão corrigidos os exames discursivos dos 225 melhores colocados na avaliação objetiva. Para se classificar será preciso atingir no mínimo 10 pontos de 20 possíveis na prova discursiva. O resultado final será elaborado a partir do somatório dos pontos obtidos pelos candidatos em ambas as avaliações e publicado no Diário Oficial, bem como na página da organizadora.


FONTE: FOLHA DIRIGIDA

sábado, 11 de agosto de 2012

Ministério Público do Pará abre 283 vagas com salários até R$ 4,7 mil.

A partir do próximo dia 8 de agosto o Ministério Público do Estado do Pará (MPE-PA) estará com inscrições abertas para o concurso público com 283 vagas para profissionais de níveis médio e superior. Conheça os cargos:
  • Ensino Médio - Auxiliar de Administração e Técnico de Informática;
  • Ensino Superior - Técnico Analista de Sistema (Suporte a Banco de Dados, Desenvolvimento, Suporte a Rede de Computadores e Modelagem de Sistemas), Biblioteconomista, Contador, Pedagogo, Arquiteto e Analista Jurídico.
Segundo edital publicado no site da Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (Fadesp), a organizadora responsável, os salários oferecidos variam de R$ 1.848,38 a R$ 4.751,42 em jornada de 30 horas semanais.

Para concorrer basta efetuar a inscrição pelo endereço eletrônico www.fadesp.org.br, entre às 10h do dia 8 de agosto até às 23h59 do dia 17 de setembro, e pagar a taxa de R$ 40,00 para disputar vagas de nível médio e de R$ 56,00 para superior.

Todos os candidatos serão avaliados por meio de prova de conhecimentos gerais e específicos e redação, previstas para serem realizadas no dia 21 de outubro das 8h às 12h, em locais a serem definidos e divulgados com antecedência. Além disso haverá prova de títulos somente para funções que exigem o nível superior.

A validade deste concurso será de dois anos, contados a partir da data de publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado por igual período.

Fonte: PCI Concursos

Tribunal de Contas do Espírito Santo oferece 29 vagas para Auditor de Controle Externo R$ 9,2 mil

Visando o preenchimento de 29 vagas, o Tribunal de Contas do Estado do Espírito Santo (TCE-ES) realizará concurso público destinado à contratação e formação de cadastro reserva de Auditor de Controle Externo.

Segundo o responsável pela organização e execução do certame, o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (CESPE/UnB), do total de vagas ofertadas cinco são na área de Auditoria Governamental, cinco de Ciências Contábeis, sete de Direito, seis na área de Engenharia Civil e seis de Tecnologia da Informação.

Os interessados deverão ter nacionalidade brasileira ou portuguesa, estar em dia com as obrigações eleitorais e militares, ter idade mínima de 18 anos completos e ter diploma de Licenciatura ou Bacharelado, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação na área. A remuneração para todos será de R$ 9.274,29.

Para se inscrever e participar do certame, basta o candidato preencher o formulário de inscrição disponível no endereço eletrônico www.cespe.unb.br/concursos, no período entre às 10h do dia 20 de agosto até às 23h59 do dia 6 de setembro. A taxa será de R$ 90,00.

A previsão é de que os candidatos sejam avaliados por meio de provas objetivas e provas discursivas, de caráter eliminatório e classificatório, com questões sobre Conhecimentos Básicos e Conhecimentos Específicos. Além disso, haverá avaliação de títulos, de caráter classificatório.

Todas as etapas e a perícia médica serão realizadas na cidade de Vitória e as provas de conhecimentos básicos serão aplicadas no dia 12 de outubro e as de conhecimentos específicos ocorrerão no dia 14 de outubro.

Este concurso terá a validade de dois anos, contados a partir da data de publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado uma única vez e por igual período.

Confira o Edital: